quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Figaro! Figaro!


Ainda me lembro muito bem do impacto que senti na primeiro exibição de O Segredo de Brokeback Mountain em uma sessão especial para a imprensa um mês antes do lançamento oficial. Na época eu escrevia uma coluna na revista Home Theater brasileira sobre lançamentos em DVD e era frequentemente convidado para este tipo de evento de cinema. Lembro-me também de um jornalista conhecido que chorou copiosamente na sessão (mas não vou entregar o nome assim de bandeja).

O conto de Annie Proulx que virou um filme emblemático e tocante recebe agora nova embalagem: a história dos dois cowboys apaixonados terá estreia mundial na Espanha como ópera na próxima semana. E o melhor: a estreia será transmitida pela internet e poderá ser vista aqui no próximo dia 7 de fevereiro às 5 da tarde (horário de Madri). Há várias formas de se contar uma boa história de amor.

5 comentários:

railer disse...

que maneiro!

Marcos Campos disse...

Legal !

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Bacanérrimo!

Anônimo disse...

Ficou faltando o nome do jornalista, pelo menos uma dica? Sacanagem! rsrs

Anônimo disse...

É, há várias formas de se contar uma boa história de amor e, sendo ópera, qualquer história de amor fica exacerbada, com carga dramática máxima.
O belo conto da Prouxl já garantiu um grande filme, bastante fiel ao original, e certamente servirá bem aos inigualáveis devaneios de uma ópera. E não vai ser fácil o contraste de um gênero tão perdido no tempo com cowboys e um tema por demais up to date.