segunda-feira, 14 de abril de 2014

Ben Watt - Hendra

O vocalista principal normalmente é a marca registrada de uma banda, e por isso para mim o Morten Harket continua sendo uma extensão do a-ha. Com o Everything But The Girl a marca seguiu com a Tracey Thorn, a voz deliciosa que acentuava os projetos da dupla. A voz do Ben Watt, a outra metade do Everything But The Girl, não me evoca muito a antiga banda. Curiosamente, apesar de a banda não existir mais, os dois continuam juntos e até se casaram oficialmente em 2009 depois de 28 anos de convivência.

Hoje Ben Watt lançou Hendra, seu primeiro trabalho solo em 31 anos. É incrível, mas ouvindo as músicas do álbum consegui sentir uma pitada forte do Everything But The Girl. As músicas são, na maioria, introspectivas e com boa sonoridade, gostosas de ouvir. Bateu uma puta saudade da banda que eu tanto gosto, e em todas as faixas eu tive a impressão que a voz da Tracey Thorn ia entrar assim de repente como quem não quer nada.

3 comentários:

Paulo Belém disse...

EBTG. Meu grupo preferido EVER. Até tatuei no braço "BE FREE, LOVE LIFE". Sabe de qual musica eu tirei isso??

Luciano disse...

@Paulo Belém,

Me and Bobby D don't get along that easily.
You told the world, "Be free, love life".
Tell me, is it true you beat your wife?
You see, me and Bobby D don't get along that easily.
You told the world, "Skip rules fave fun".

Paulo Belém disse...

bingo! ponto para os meninos! (quer dizer...)