terça-feira, 21 de maio de 2013

Kiss kiss, bye bye

Um juiz de paz de uma cidade do sudeste do Pará pediu demissão do cargo ontem porque não quer ser obrigado a fazer casamentos de casais homossexuais. Na Argentina foi igual, há dois anos.

É a prova mais viva que o país está aposentando algumas ideias e conceitos. Quem não mudar junto estará mesmo fadado a ir para casa, vestir o pijama, e passar o restinho de vida se lamentando de como era verde o vale. Isso não é maravilhoso?

9 comentários:

Anônimo disse...

É interessante, mas as conquistas estão partindo do Judiciário, enquanto devem passar pelo Legislativo, como o foi na França. Os Estados Unidos tão esperando o sinal verde da Suprema Corte, pra daí encaminhar ao Legislativo.
Fica a sensação de que os avanços aqui têm pés de barro. Tomara que eu esteja errado.

Lucas T. disse...

Acho que é meio um pretexto, do tipo "cansei dessa porra" ou "too enrustido to deal with this shit", aí prefere pedir pra sair. Bjo se matem.

Andre disse...

É o velho dando lugar ao novo. O pensamento e idéias arcaicas não vão durar muito tempo. Eles podem atrasar a evolução da sociedade, mas por fim serão sepultados no esquecimento como tantas barbaridades que a humanidade já viveu.

TONY GOES disse...

Pena que ele não se matou, como aquele historiador homofóbico francês...

ivan disse...

tem um otário que comentou na Folha "MAS E OS DIREITOS DO JUÍZ QUE, SE FOR CRISTÃO, VAI TER QUE CELEBRAR ESTA POUCA VERGONHA???". Agora me expliquem como se começa sequer a dialogar com uma anta dessas. Realmente só torcendo pela aposentadoria e/ou suicídio.

Anônimo disse...

Já vai tarde, queridjinho. Bjs sabor aposentadoria.

Anônimo disse...

Como o Ivan disse.... Como dialogar com esse tipo de afirmação?!? E pro véio: bjs e foi tarde!

Oliveira Santos disse...

Já vai tarde!!!!

Sidney Gaga disse...

era pra ser sério? eu ri pra caralho

já vai tarde - antes tarde do que mais tarde