quarta-feira, 1 de maio de 2013

Na calada da noite

Chegou a hora de descer até o porão e tirar da caixa a metralhadora giratória que você estava guardando para casos de ameaça extrema e grande perigo. Aproveitando que todo mundo estava distraído festejando o feriado de 1º de maio o pastor racista homofóbico que preside a Comissão de Direitos Humanos agendou para a pauta da próxima reunião vários projetos anti-gay, inclusive o projeto que visa derrubar a resolução do Conselho Federal de Psicologia que vetava terapias de "cura gay".

A votação tem grande chance de passar uma vez que a Comissão de Direitos Humanos é agora mantida somente por evangélicos depois da saída de todos os outros deputados. Sendo aprovada deve ser apresentada em plenário para ser votada e virar lei, onde certamente será apoiada por toda a bancada religiosa e pelos deputados com medo de perder o voto dos evangélicos nas eleições do ano que vem. Está aí a receita clara de como se faz uma grande merda.

8 comentários:

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

tenso!

Anônimo disse...

Quem dá a última palavra em Saúde no Brasil são os médicos, mesmo que seja o conselho de Psicologia envolvido na questão.
Se os médicos forem contra já é meio caminho andado. Caso sejam a favor, logo o SUS vai prestar "atendimento ambulatorial" pra homossexualistas. E dá-lhe adolescente levado à força pelos pais...

ivan disse...

ele estava desaparecendo do noticário, então achou um jeito de voltar. Políticos de quinta categoria precisam disso para aparecer. Os gays estão sendo manipulados a reagir. Quanto mais protesto, melhor para ele. Só acho engraçado que ninguém entendeu ainda que a maneira de pegá-lo é revelando a corrupção. Aquele pessoal que ele paga com verba pública lá na cidade de origem dele, por exemplo. Só assim que se tira um indesejável do cargo que tem. A Dora Kramer do Estadão já explicou como isso funciona em política, vejam o blog dela. Podem berrar a vontade, mas é só quando vier à tona um dos muitos escândalos nos quais ele certamente está metido é que isso vai acabar.

Anônimo disse...

O Congresso nacional é falido e podre, lá para quem não sabe é cheio de detectores de metais por todos os lados, o medo que eles tem de atentados, sinceramente aquilo ali deveria ser implodido, aquilo ali é um sumidouro do dinheiro público nada mais do que isto, balcão de negócios!!! Casa do povo!! Piada viu, é da porta da rua pra fora!!!!

Anônimo disse...

O problema não é o Feliciano, mas esse Congresso filho da puta que deixa um desiquilibrado mental assumir uma comissão.
E o grande problema somos nós, sociedade brasileira, que não conseguimos nos impor, nem sequer nos organizar minimamente e temos de esperar um Joaquim Barbosa para nos salvar.
Aí, só metralhando mesmo.

Lobo disse...

http://colunistas.ig.com.br/jean-wyllys/2013/05/01/e-que-narciso-acha-feio-o-que-nao-e-espelho/

railer disse...

fala sério gente, até quando??

Sidney Gaga disse...

logo o brasil será um grande califado - tou reconsiderando me expatriar na vizinha Argetina