quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

O segredo de Priscilla

O fato de Stephen Elliott ter dirigido Priscilla, A Rainha do Deserto em 1994 não era suficiente para se desconfiar de sua orientação sexual. Afinal, Ang Lee dirigiu com força e alma O Segredo de Brokeback Mountain e não é gay.

Portanto, a surpresa foi grande na entrega dos prêmios da Australian Academy of Cinema and Television Arts (AACTA) ontem em Sydney. Stephen Elliott fazia um dos discursos de abertura quando, com voz pausada e emocionada, aproveitou para dizer
"Eu fiquei na minha por muitos, muitos anos, por uma outra razão. Basicamente, foi por que eu tinha medo de quem eu era. Eu tinha muito medo do fato de ser gay. Mesmo depois de ter dirigido Priscilla eu continuei no armário basicamente porque eu tinha medo da minha família. Mas hoje, nesta noite, eu estou me assumindo."
Os jornais contam que a confissão foi seguida pelo aplauso ensurdecedor de uma plateia com olhares divididos entre a surpresa e o choque. Em seguida, com lágrimas nos olhos, Stephen Elliott pediu que os representantes da indústria cinematográfica da Austrália apoiem a igualdade do casamento. E eu, aqui, quase do outro lado do mundo, fiquei com um nó na garganta só de ler a notícia.

6 comentários:

Lucas T. disse...

Que ótimo, já era tempo né. Melhor fazer isso em vida do que morrer e a família descobrir os apês usados pra putaria ou o marido que era "best friend". Just saying. Quero achar o vídeo com o discurso dele.

Dan disse...

feliz por ele que conseguiu!

Cara Comum disse...

Que lindo!!!!!! Mais um armário se abrindo??

Anônimo disse...

Que se explodam todos os armários!!!!!
E que sejamos felizes!!! \o/

[ joe ] disse...

que bom, que bom. fiquei querendo ver o video.

[j]

railer disse...

bonito isso!