quinta-feira, 18 de abril de 2013

Soy loco por tí, America

Enquanto a Colombia se mexe para aprovar a igualdade no casamento, o candidato a presidente do Paraguai, Horácio Cartes, já comparou o casamento gay ao fim do mundo e já disse que se tivesse um filho gay daria um tiro no próprio saco. Espero que um dia ele realmente tenha um filho gay e seja obrigado a cumprir a promessa para aprender a não mais falar asneiras em público.

Já o caso da Colombia é bastante interessante: em 2010 o Supremo Tribunal de lá deu aos deputados o prazo até junho deste ano para que debatessem e criassem leis de proteção aos homossexuais. Se até junho os deputados não tiverem feito o dever de casa e aprovado as leis, então a igualdade no casamento será aprovada automaticamente. Gostei deste sistema. Aqui no Brasil talvez esteja faltando justamente este item na agenda dos nossos parlamentares: prazo.

8 comentários:

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Amém q ele dê este tiro ...

Qto à Colômbia q sirva de exemplo para o nosso Supremo ...

Margot disse...

O Brasil deveria pelo menos "ruborizar-se" com o papelão que está fazendo.... affffe.
Se o camarada precisar de alguém pra dar o tiro,... eu tenho boa pontaria.
Abraços

Margot disse...

Se precisar de alguém pra dar o rito...eu dou...aproveito e faço isso aqui no congresso do Brasil também....na maioria deles.

Anônimo disse...

Este sistema da Colômbia pisa na tripartição do Poder. O judiciário não pode colocar uma agenda a ser cumprida pelo legislativo, é cruzar a linha do autoritarismo...
Uma suprema corte pode, no máximo, demandar dos parlamentares a regulamentação de determinada matéria. Não pode nem mesmo dar um prazo, apenas pode determinar que se cumpra um prazo já previsto em lei.

Anônimo disse...

É, há a questão da tripartição [bonita palavra] do poder, do autoritarismo, da democracia etc.
Mas, com o Congresso que temos, a vontade é dar um tiro no saco de cada deputado e de cada senador -- exceto 1/2 duzia de resistentes --, seus assessores, amantes, laranjas et caterva. E haja munição!

Luis disse...

Luciano,

Vc viu isso? Estou verificando as informações e aparentemente não é scam não.

Bom, segue o link:

http://www.indiegogo.com/projects/fundraising-for-s377a-constitutional-challenge?c=home

Abraços

P. Florindo disse...

Ontem foi a vez da Nova Zelândia!

Anônimo disse...

Infelizmente, tal coisa vindo de um país como o Paraguai não é surpresa.