quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Andrés


Lembram do Andrés Gioeni, ex-padre argentino que largou a batina por ser gay e recentemente escreveu para o Papa? Ele vive há mais de nove anos com o companheiro Luís, e tem uma história de vida muito bonita, povoada pelas mesmas dúvidas, incertezas e culpas que fazem parte do desenvolvimento de quase todos nós. A repórter Lígia Mesquita foi até Buenos Aires ouvir o depoimento de Andrés e publicou na Folha de S. Paulo de hoje esta história que merece ser compartilhada.

3 comentários:

Anônimo disse...

Ele não teria esse espaço todo se não fosse um homem bonito e, de quebra, fosse ex-padre. A mídia a-do-ra e as bee tb!

Oliveira Santos disse...

Concordo com o anônimo, mas que ex- bonitão heim, diliça!!!!

railer disse...

já tinha lido uma entrevista dele. muito bacana.