segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Medo

Glenn Greenwald e David Miranda
A detenção do brasileiro David Miranda em Londres com base em uma lei anti-terrorismo aprovada recentemente no Reino Unido vem comprovar duas coisas: nunca os governos sentiram tanto medo, e nunca o mundo foi tão complexo. David Miranda é marido do jornalista Glenn Greenwald, que tem divulgado reportagens a respeito de programas de ciberespionagem promovidos pela agência de segurança americana NSA com base em documentos fornecidos pelo ex-técnico da CIA Edward Snowden, atualmente exilado na Rússia.

O caso é complexo demais e certamente no futuro dará um ótimo filme. Mas, apesar do condenável e lamentável abuso de autoridade, é fácil entender que os departamentos de inteligência internacional precisam reunir o máximo de informações possível para que os cidadãos de um país livre possam viver com mais segurança. A típica faca de dois gumes: por mais segurança, vamos todos ter que sacrificar nossa privacidade e conviver com governos cada vez mais intrusos e truculentos. 

Quem assistiu ao recente A Hora Mais Escura (Zero Dark Thirty, 2012) - ótimo, por sinal, e inclusive indicado a melhor filme do ano - certamente saiu do cinema apoiando a tortura e tudo o mais que seja necessário para derrubar terroristas. O problema é traçar a linha entre o serviço de contraespionagem para garantir a ordem e o abuso de poder - algo praticamente impossível quando se lida com indícios, tendências, sinais e suspeitas. Os próximos anos certamente nos reservam doses muito maiores de medo e abusos.

O imbroglio no aeroporto de Londres pelo menos serviu para revelar ao mundo o casal simpático e unido que o David e o Glenn formam.

8 comentários:

Anônimo disse...

Tá bom então!!!!! Vc quer dizer que o povo terceiro "mundista" , que é o que mais sofre com essas perseguições, e os que não querem se subjugar e não aceitam a prepotência de americanos e aliados vão ter que ficar calado e arriar as calças pra essa cambada? Eles são o q? Donos do mundo? P cta de combater o terrorismo já cometeram barbaridades! Desculpe aí......

Anônimo disse...

A presença gay na mídia deve estar deixando os Felicianos em cólicas: é filme no circuito, reporter que desafia os EUA nos braços de um carioca, casais no Globo Reporter, jogador de futêbol que dá selinho, legislação russa e correspondente reação internacional, delator herói prestes a ser condenado, filme premiado em festival, casamento para todo lado e até ação antiterrorista prendendo o tal namorado carioca.
A bicha esculachada virou um must.
Até a abertura da temporada de ópera de Nova York em setembro está na mira. Programada como uma solene homenagem à Russia, com a ópera 'Eugene Oneguin', de Tchaikovsky, regida por grande maestro russo e abrilhantada pela linda soprano Netrebko, agora uma petição pela internet quer torna-la um ato de solidariedade aos GLBTs tendo o sofrido Tchaikovsky como símbolo.
Considerando que pelo menos 50% da orquestra e cantores desmunheca, periga não haver festa se o teatro não aceitar a proposta.

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

assino em baixo Luciano!!!

Oliveira Santos disse...

Sim que casal simpático, agora uma coisa é verdade o sossego deles acabaram, e o risco de vida que eles vão correr, e os familiares e amigos próximos também, complicado viu, coisa de filme!!!

Jota Farr disse...

Eu sei que a ameaça terrorista é real, mas daí a paranoia e a falta de respeito aos direitos humanos serem violados é demais, além do que o Reino Unido cada vez mais se mostra capacho dos Estados Unidos.

Empedernidus Adelante disse...

Reino Unido está na folha de pagamento dos EUA, infelizmente foi arbitrário e a gente ainda acha que erros não ocorrem na Europa, mas lá tb tem coisa errada na surdina, vide o caso do brasileiro Jean Charles que foi morto de forma covarde ao ser confundido por terrorista... Sei não, em todo caso, eles deveriam ficar no Brasil que é campo neutro nesse jogo diplomático.

Marcos Campos disse...

Mundo cada vez mais complexo mesmo !
Ótimo texto ! E infelizmente teremos que conviver com situações complicadas mesmo no futuro !

Anônimo disse...

gatinhos.

E esses lábios do David hein, deve chupar que é uma beleza.