domingo, 20 de novembro de 2011

A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte I


Os livros de Stephenie Meyer são simplesmente uma obra juvenil de ficção e nunca se propuseram a ser mais do que isso. A obra conta a história de um grande amor envolvendo humanos, vampiros e lobisomens e nunca teve a ambição de ser nada mais do que diversão.

Este novo episódio é praticamente só uma escada para o que vai acontecer no último filme da série. Vai lento até bem próximo do final - quase um videoclipe de cenas românticas caprichadas para mostrar o casamento de Bella e Edward e a lua de mel numa ilha paradisíaca no Brasil. Até que Bella descobre que está grávida de algo que ninguém consegue imaginar o quê pode ser - nunca antes um vampiro e um humano haviam produzido prole.

A partir da gravidez o filme assume o lado de terror, principalmente quando o bebê gerado começa a crescer de forma rápida e a matar Bella por dentro. Mas até aí não há novidade nenhuma; tudo isto já estava no trailer. O parto de Bella e a chegada da criatura híbrida marcam uma série de mudanças que servem de petisco para o próximo filme. Está lançada a isca. Até eu que não estava ligando muito para nada disto também quero que o próximo filme chegue logo.

O sucesso do filme tem incomodado muita gente, sem razão. O filme é honesto no que se propõe e é diversão muito bem realizada. Gostoso feito junk food.

7 comentários:

Lucas T. disse...

Junk food engorda mas não emburrece. Os livros são muito mal escritos e os filmes tão ruins quanto.

Passo.

alan raspante disse...

Acho que foi a "crítica" mais sincera que eu já li a respeito do filme.

DMalk disse...

Tambem acho um odio desnecessario, tem gente que acha que tudo hoje em dia tem que ser o extremo da cultura e intelectualidade, nada mas pode ser simples, banal ou despretencioso...

A saga Crepusculo e só mais um objeto de entretenimento, como a grande maioria dos filmes de ação ou quase tudo que faz muito sucesso...

DPNN disse...

só gostei do primeiro filme - não li nenhum dos livros. Os demais simplesmente não possuem enredo algum. Não que eu seja um literato pedante, pelo contrário, adoro cinema comercial (acho, de verdade, muito superior ao "alternativo"), mas vi os filmes e fiquei o tempo todo esperando que algo acontecesse. Fiquei com a impressão de que a história foi alongada para dar mais de um volume... quando sair em DVD eu vejo.

marta matui disse...

Bleaaaaaaaaargghhhhhh, hehehehe! Bella é a personagem feminina que eu mais odeio, rs.

Cara Comum disse...

Ah, as vezes eu não entendo o ódio das pessoas com coisas que não as agrada. Se não gosta, é só não passar perto, não?

E, neste caso, tanto a saga dos livros quanto os filmes são honestos em ser entretenimento e nada mais. Vc foi muito preciso em sua crítica.

Abraços!!

Anônimo disse...

Por isso eu não li e nem vi este filme, concordo com o que disse acima, não passei nem perto.