sábado, 10 de dezembro de 2011

Eu sou Jesus Cristo e eu aprovo esta mensagem

Recomendo fortemente que você leia o texto que o Tony publicou ontem, caso ainda não o tenha feito. O Tony soube explicar melhor do que ninguém os obscuros meandros por trás de toda esta história do uso do nome de Deus para a política e a dominação. A eleição presidencial americana está sendo solo fértil para aqueles que se consideram donos da verdade divina demonizarem principalmente os gays por estarem recebendo, pela primeira vez na história, um tratamento mais junto da administração federal.

Outra ótima resposta àquele famigerado comercial do candidato Rick Perry surgiu hoje pela turma do Funny or Die. Agora é Jesus de Nazaré em pessoa que aparece para reclamar. E com razão. Afinal, de repente parece que todo mundo tem procuração para falar no nome de Deus. Se a notícia de que Jesus voltou começasse a se espalhar por aí, tenho certeza que haveria muito pastor evangélico e muito cristão radical se borrando nas calças...




4 comentários:

Anônimo disse...

Só faltou a tradução, já que meu inglês é uma porcaria, e quem sabe ele já não esteja por aqui vendo e observando o que virou este mundo!!!! Uma porcaria!!!!

WOOF Brasil disse...

Pelo menos não vão faltar cabos eleitorais pro barbudão aí.

o Humberto disse...

Hehehe, adorei o vídeo. No mais, o pavor de sempre de campanhas eleitorais, aqui e lá.

Cara Comum disse...

Esse Jesus eu pegava... huahuahauhauahauha