quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Toca pro inferno, motorista!

Gente, o que foi este capítulo de hoje de Avenida Brasil? Numa quarta-feira, dia em que o capítulo é mais curto por causa do jogo e que normalmente nada acontece, João Emanuel Carneiro preparou um capítulo de tirar o fôlego que lembrou muito a primeira semana da trama. Naquela ponto da história em que a maioria das novelas começa a esticar uma barriga, Avenida Brasil mostra que ainda tem muito fogo para queimar. Espetáculo de primeira na conjunção do texto afinadíssimo com a excelente direção e atores em atuações impecáveis. Adriana Esteves teve um capítulo quase inteirinho para ela, conduzindo sua Carminha por cenas que vão entrar para a história da teledramaturgia brasileira. 




4 comentários:

Uomo disse...

Eu perdeu hj...:(
A Adriana Esteves está batendo um bolão nessa novela. Meu namorado leu a Veja que tem ela e a Débora Falabela na capa. A Adriana ganha um pouco mais que a Débora, em contra partida ela conta que tem tido inúmeros pesadelos durante a noite e não vê a hora da novela acabar.

Oliveira Santos disse...

Achei graça do deboche da Nina perguntado a ela se ela queria chá de erva cidreira dona carminha hahahaha.
Se bem que esse povo grita demais, nossa tem hora que fico atordoado, é baixando e aumentando o volume, e navegando na net.

Daniel disse...

Acho que a Deborah tá meio over nessa fase como a Condessa de Monte Cristo meets Gata Borralheira. Mas a Adriana Esteves está perfeita. Fiquei vendo esse último take, quando ela dá um gole, depois bebe do gargalo olhando pra frente e não se distrai um segundo com a câmera. O olhar dela totalmente concentrado no papel. Fantástico!

Heron Xavier disse...

Esta frase é digna de 365 palavras kkkkkk perdi a cena em que ela chega no lixão e 'reconhece' seus amigos de infância, mas revi todas no site do globo.com ontem.

Adriana Esteves foi coroada como umas das vilãs nacionais. Parabéns a ela e ao autor, que mais uma vez está fazendo história na teledramaturgia.

Novelão!