quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Momentum

Não há como entender a realidade do casamento igualitário sem entender uma grandeza física chamada momentum. Momentum de um corpo é, em teoria, o produto da massa pela velocidade, e pode ser melhor compreendido quando comparado com noções simples como o empuxo ou o impulso.

A aceitação do casamento entre duas pessoas do mesmo sexo atingiu um momentum extraordinário que parece ganhar força a olhos vistos.

Muita gente está começando a perceber que está ficando do lado errado da História. A reação de alguns é o desespero, como é o caso do papa em sua mensagem de Natal. Outros começam a perceber que está ficando cada vez mais difícil remar contra a maré, como o político americano Newt Gingrich, que sempre foi arqui-inimigo dos gays e absolutamente contra a igualdade no casamento, e nesta semana teve que jogar a toalha: "temos que admitir que o casamento igualitário é uma realidade". Quando há massa crítica para manter o momentum, não há força da Natureza que consiga brecar o fenômeno.

3 comentários:

Julio Seidenthal disse...

Adorei a analogia com a física, afinal o amor não é só físico é também física e haja espaço-tempo para tantas partículas. rsrsr

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

isto me lembra qdo o Brasil estava para aprovar a Lei do Divórcio ... chegou a hora passou, todo mundo aceitou e hoje todos defendem ... perfeita sua analogia ...

bjão

Margot disse...

O momento certo para uma analogia chamada "momentun". E te digo... não tem volta, graças a Deus.
Beijos