segunda-feira, 25 de março de 2013

Raquel não nos representa

Um blog da Folha de S. Paulo noticiou hoje:

Climão: Um grupo de funcionários do SBT, incluindo artistas, está indignado com alguns comentários feitos pela âncora Raquel Sheherazade no “SBT Brasil”.

Climão 2: Esses funcionários dizem estar organizando um abaixo-assinado batizado de “Raquel não nos representa”, que será encaminhado à direção do canal. O SBT desconhece a iniciativa.


E aí, Raquel, como fica?

6 comentários:

Dimas disse...

Raquel deve ficar com o ...na mão.
Quem sabe pense um pouco mais antes de expressar um PRÉ CONCEITO?

Margot disse...

Depois de tantos editoriais sensatos, com um só ela "ca***", na carreira.
Bom, pra ela pensar duas vezes antes de gritar suas preferencias aos 4 ventos, para quem quer e não quer ouvir.
Abração Luciano

Anônimo disse...

Eu apóio a Raquel. Todos têm direito de manifestar sua opinião, por mais idiotas que sejam elas (o que não é o caso). No caso dela, já nem se tratam de "pré"conceitos, mas de conceitos puros e simples. Para que serviria a tolerância se todos pensassem da mesma forma? Numa era em que se busca, a todo custo, a desconstrução de valores, eis aí uma porta-voz do que muito provavelmente é a maioria da população brasileira.

Oliveira Santos disse...

Acho esta âncora uma chata mesmo!!! O SBT sempre trocando os pés pelas mãos!!!!

Anônimo disse...

O "anônimo" defende a intolerânia? é isso mesmo? A questão que está em pauta não é a liberdade de expressão, mas sim, a posição reacionária, preconceituosa e por vezes contraditórias da jornalista. Essa democracia atrelada a liberdade de expressão não tem muito a ver com a reprodução de ideias intolerantes e preconceituosas. Assistam os vídeos, é bom, mas ter uma opinião um pouco crítica é melhor ainda.

Daniel disse...

Só digo uma coisa. Eu li que, depois de muito relutar, Sílvio santos vai liberar a venda de espaço na sua grade pras evangélicas (a exemplo da Band e CNt do Rio).
Quedizê...