quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Obama fail

Eu torci pela vitória do Obama como se a eleição fosse aqui. Gosto do jeitão jovial dele e da Michelle, e me encantei com todas as possibilidades que se abriram com a eleição de um presidente jovem e negro depois do período horroroso que foi a administração do Bush. Mas confesso que estou decepcionado. E muito.

Ninguém achava que ele ia chegar na presidência chutando o pau da barraca. Mas já se passou tempo suficiente para ele mostrar a que veio. E o que todo mundo viu até agora é um presidente muito mais fraco e omisso do que o que foi apresentado na campanha.

A comunidade LGBT, por exemplo, já está com o caldo quase entornando. O presidente poderia ter feito um trabalho mais incisivo para acabar com o horror que é a política do "Don't Ask, Don't Tell" nas forças armadas americanas, e já deveria ter saído de cima do muro em relação aos gays. Até agora suas declarações têm sido muito insípidas e limitadas ao politicamente correto - e são, inclusive, muito mais brandas do que as promessas feitas em campanha.

O vídeo que ele gravou para o projeto "It Gets Better" do Dan Savage me deixou perplexo. O vídeo é muito simpático e otimista, mas - raios!! - ele é o presidente dos Estados Unidos! Ele não deveria aparecer para dizer que as coisas vão melhorar, mas sim o que ele vai fazer para que elas melhorem! Ele preferiu se nivelar com os cidadãos comuns, como se não tivesse em suas mãos o poder para acelerar as mudanças. Decepcionante. Ainda mais vindo de um presidente negro que certamente sofreu muita discriminação na própria pele. Eu acho que ele poderia estar fazendo mais. Muito mais. É uma pena, porque eu queria muito gostar do Obama.

9 comentários:

Dêco disse...

Até Lula se posicionou de uma forma melhor. Né? É meio/completamente decepcionante. Mas a esperança de dias melhores não morrerá. Tudo em seu tempo.

beto disse...

não que faça alguma diferença, mas eu torcia é pela Hillary Clinton...

sobre o fato de ele ser negro (pros padrões americanos que, em geral, não contemplam a ideia de ser mulato...), e, automaticamente isso lhe dar simpatia por outras minorias, isso é um dos mitos que a "vanguarda" gosta de alimentar.

nada mais longe da realidade. a cultura afro-americana é altamente homofóbica. e não estou falando isso por causa da parte mais vísivel (os rappers). um dos pilares tradicionais dessa cultura são as igrejas batistas, na sua maioria muito conservadoras e bem homofóbicas tb.

inclusive a eleição do Obama teve indiretamente um efeito perverso para a causa gay nos EUA. foi justamente o alto comparecimento do eleitorado negro na eleição do Obama que cravou o último prego no caso da Proposition 8 na Califórnia. Os negros foram o ÚNICO grupo étnico que votaram contra os gays (estima-se entre 60% e 70% a favor da Prop 8, que era anti-gay - só para comparar, apenas 43% dos brancos votaram assim). Lembre-se que no final a Prop 8 (anti-gay) passou com apenas 52% dos votos...

TONY GOES disse...

Também torci muito pelo Obama e também estou decepcionado. Agora acho que a Hillary teria sido uma presidente muito melhor. E que ela tinha razão quando dizia que ele era inexperiente e ainda despreparado para a Casa Branca.

Daniel disse...

Obama é o Lula-lá!
Eleito cheio de esperanças, mas foi só decepção. É super carismático e "pop", mas na prática.... pffff.

Lucas T. disse...

Também torci muito pelo Obama e também me decepcionei.
Na época que ele estava disputando a indicação com a Hilary, porém, torci por ela. Acho que ela tem mais culhão que o Obama sim.

Papai Urso do Interior disse...

Obama pegou a pior fase dos EUA em muitos anos: recessão, desemprego, dólar em queda, LadyGaGa, Sarah Palin fazendo gracinhas dignas de uma adolescente idiota e angariando simpatia, o vazamento de arquivos top secret que comprometem a segurança do país... Sei lá tenho meio que dozinho dele! Tô pensando é na sebosa da Dilma aqui no Brasil, pra começar vai ter juro bancário extrapolando... se ela conseguir botar PLC22 na pauta do dia, cogito pensar em esquecer que os absurdos que ela disse e fez durante a campanha 2010, rsrsrs...

Cara Comum disse...

Vc conseguiu sintetizar como eu me sinto e,m relação ao Obama: muita esperança e um balde de água fria... Abração!

Diego disse...

É. Eu também torci. Pela Hillary.

Jhonne disse...

Adorei aqui!
Parabéns pelos textos!