sexta-feira, 13 de maio de 2011

S

Da sigla GLS talvez o grupo que melhor pode sensibilidar a sociedade são os representados pela letra S - os simpatizantes. Uma sociedade preconceituosa, tacanha e inhenha como a nossa quase nem presta atenção nas palavras de um gay. Mas não resiste ao apelo de uma mãe, um irmão, um amigo, que conseguem com poucas palavras mostrar que os homossexuais são normais como todo mundo.

Por isso gostei muito da estratégia deste material da campanha pela igualdade no casamento no estado de Nova York. O apelo é irresistível.

6 comentários:

Ted Bee disse...

Minha mãe jamais faria uma bondade dessas comigo, sou a bee escrota e má q sou por falta d amor, fato.

Daniel disse...

Uma pena que o S tenha se perdido no meio de preconceito e piadinhas.

Anônimo disse...

Tem até teoria conspiratoria de que os 's' sairam quando chegaram os tt (trans-trava), questão da mudança de sexo defend. pelas trans-trava + foco no termo 'casamento' gay afasta muita gente legal do foco direitos humanos, infelizmente muita gente burra diz por ai que a gente quer implantar a tal da ditadura gayzista, é absurdo mas tem gente que acredita.

Red disse...

achei lindo essa propaganda.
qdo envolve familia que apóia, questões gays ficam tão bonitinhas, é meu ponto fraco. me derreto.

Wellington disse...

Gostei demais!

Que linda campanha!

D.a.v.i.d disse...

Que fofo... mas acho que minha mãe evangélica da Bléia de deus não toparia