quinta-feira, 30 de junho de 2011

同志亦凡人


Uma sugestão para estas noites de frio polar: uma comida chinesa deliciosa e uma sessão de cinema chinês com um filme sobre diversidade, tudo isto sem precisar colocar o nariz para fora da porta de casa. A comida pode ser pedida por telefone no Xingaling Delivery mais próximo e os filmes chineses estão disponíveis na internet no site Queer Comrades, uma organização voltada para a divulgação e conscientização da diversidade na China.

A quantidade de material disponível no site é impressionante; é impossível não encontrar alguma coisa que interesse. Eu recomendo começar pelo documentário Come To Daddy que cobre a vida de homens gays com mais de 70 anos na China, Itália, Bélgica e Holanda. É um choque de realidade necessário neste nosso mundinho onde quase todo mundo parece padecer do complexo de Peter Pan.

Cures That Kill é outra dica boa. É um documentário sobre as clínicas que curam a doença do homossexualismo na China! O que me faz lembrar que minhas chances de ser babá ou motorista da Myriam Rios algum dia não estão completamente descartadas.

E se todo o assunto sobre a China o deixou animado a visitar o país, então não deixe de ver Eye On Gay Shanghai sobre a vida gay na maior cidade da China - os clubes, os bares, os lugares de ferveção, os clubes de ursos gays (isto existe!), e muito, muito mais.

9 comentários:

((ADRIANO)) disse...

Luciano,

Você já viu o vídeo no youtube da "MYRIAM RÉUS" por Celso Andre ?
Está aqui :

http://www.youtube.com/watch?v=LAwCKPiRH1I&feature=player_embedded

Luciano disse...

@((ADRIANO)):
Vi sim e achei o máximo. Esta senhora fez por merecer agora vai ter que aguentar!
Abraço,
**

Cara Comum disse...

Depois eu vou dar uma olhada nisso... Valeu pela dica!!

Le1dro disse...

Ai luciano, assistindo aqui e estou gostando :P
Seu blog é tão bom, eu sinceramente cansei desses sites que só ficam falando de bolsonaro e afins.
Tudo bem que você fale, mas vocÊ sabe colocar isso de forma saudável. PArei de seguir um monte hoje.
CANSEI!

Edu disse...

SUPIMPA!! Vou assistir este fds, em casa. Beijo!

Paulo Braccini - Bratz disse...

ótimas dicas ... conferi todas ...

;-)

Flávio Amaral disse...

Excelente dica, excelente site. Adoro seu blog. Estou meio preguiçoso de comentar mas minhas visitas aqui são diárias. Ë a sobremesa de minhas voltinhas pela web. Grande abraço.

Marcus disse...

HOla Luciano ! sou carioca, mas já vivo na Espanha há 7 anos. Uma das coisas que me dei conta aqui é o desinteresse pelo "culto ao corpo". O mais importante aqui é estar e sentir-se bem ! Claro, existem academias e sarados, mas nao é como no Brasil, en plan epidemia ! hahahahah E os gays aqui, bueno...existe de todo !!! e o grupo mais ativo( ui ) sao os Ursos !!! O que eu mais eu gosto aqui, é que nao existe carão !!! porque a turma quer mesmo se divertir e beijar na boca pra ser feliz !!! As "barbies" aqui sao conhecidas como " Las Musculocas !" Hahaha com isso já te digo tudo nao ? Mas todos convivem pacificamente e inclusive transitanto entre os sub-grupos : Musculocas, Osos, Normaletes, Lobos...Gosto do valor que a idade e a experiencia dentro dos meus 44 anos de vida. E a idade aqui nao se supoe um problema, mas un plus !
Saludos desde Tenerife.

Luciano disse...

@Marcos:
Ouço falar muitas coisas interessantes da cena gay na Espanha. Aqui também temos de tudo, mas depois de um tempo a gente cansa de ser sexy. Acho que no geral os gays brasileiros têm evoluído como esperado e abandonado um pouco a futilidade, mas ainda existem muitos casos de gays pobrinhos que deixam de comer bem para poder comprar uma calça Forum em 10 prestações e arrasar com as amigas. Talvez seja até uma forma de compensação.
Abraço,
**