quinta-feira, 9 de junho de 2011

Kwanten comigo

Em True Blood o australiano Ryan Kwanten é o pegador insaciável Jason, irmão da protagonista Sookie, e já traçou o elenco feminino inteiro de A a Z sem dar mostras de que vai sossegar o facho.

Em entrevista à revista The Advocate no início do ano passado Ryan Kwanten contou sobre seu irmão Lloyd, que é médico e gay assumido, e sobre sua família liberal e de mente aberta.

Mas a notícia que está circulando no momento é que talvez Lloyd não seja o único gay da familia. O controverso blogueiro Perez Hilton garante que Ryan também é gay e que vive sua vida abertamente e sem nenhum grilo, e mais: que o ator vai se assumir publicamente nos próximos dias.

Cá entre nós, eu tive certeza que Ryan Kwanten era gay na primeira vez que o vi em True Blood. Ele é muito bonito, perfeito, sensual, e gostoso para ser hétero.

Assim de anjo, com asinha e tudo, vai conseguir convencer qualquer evangélico que homossexualidade não é defeito, é qualidade!

8 comentários:

CIELLO disse...

PERFEITO! a idéia de que ele de anjo vai convencer os evangélicos...

mas ... não gosto do jeito dele naum... prefiro um lobisomen! rs...

ansioso pela temporada 4!

Papai Urso do Interior disse...

Corpo ok, pacote generoso, mas... nothing's perfect at all... liiiiiiso, eca!

Tuca disse...

Luciano,
Ryan sendo gay é um assombro de alegria, pois divulgaram essa semana que Matt Bomer (o protagonista de Crimes do Colarinho Branco) além de gay, tem 3 filhos com seu namorado, o clube tá ficando lindo, pois acho Matt e Ryan perfeitos e lindos demais.

Cara Comum disse...

Eba!! Vamos aumentar a sede pra caber todo mundo da irmandade... rs

Abraços!!

CriCo disse...

Deus REALMENTE existe! So faltava aquele lobisomem DELICIOSO ser tb...

Don Diego disse...

Acho difícil se ele for se assumir...vou esperar pra ver...

Pra ator é muito mais difícil sair do armário...pq isso significa perder o apelo pras mulheres héteros q ele e o personagem tem...

Não disseram q mesma coisa do protagonista de Prison Break, q ele ia se assumir e tal? Nada até hoje....

Papai Urso do Interior disse...

Atores são covardes, não se assumem nunca, e os que fazem ficam marcados para sempre fazer papéis gays coadjuvantes em comedias romanticas, são sempre os best friend forever das protagonistas femininas (umas chatas), injusto, muito injusto. Fazem isso com Ruppert Everett há mais de uma década...

Margot disse...

Seu post me faz lembrar que não consigo mais ver um cara bonito, charmoso e gostoso ou mesmo sem nenhuma dessas características, só que me chame a atenção, sem que imagine logo o seguinte: "Deve ser Gay"!
Putz... se estava difícil antes, agora ta quase impossível...kkk. A "comunidade" esta em franca expansão...

Beijos Luciano