quarta-feira, 22 de junho de 2011

Esquentando os motores

São Paulo está esquentando os motores para a maior Parada do Orgulho Gay do planeta. A mensagem desta foto linda que achei na Internet, de um casal de lésbicas na Califórnia, diz tudo: nós não vamos desaparecer. É justamente esta visibilidade que mais tem incomodado atualmente os fundamentalistas religiosos de direita. Porque antes era mais fácil fingir que a gente não existia.


Eu sinto muita pena destes evangélicos e católicos fundamentalistas pela mediocridade de suas vidinhas melancólicas e desimportantes. Tenho certeza que se eles gozassem uma vez na vida conseguiriam ver o mundo com outros olhos. Porque evangélico não tem ORGASMO, tem AFLIÇÃO!

6 comentários:

Cara Comum disse...

Tadinhos... Não fala isso não pq tens uns evangélicos que sabem muito bem o que é prazer... Posso dizer inclusive que o tal pastor que eu comi na minha adolescência gemia horrores de prazer... Ops!! Falei!!

Esqueçam, eu não disse nada... Todos os cristãos são santos, evitam os "prazeres da carne" e vão direto pro céu...

`0´ (tá, eu queria desenhar um diabinho... huahuahua)

Abraços!!

Dario disse...

Nossa luciano, você trata os religiosos da mesma forma que eles nos tratam. Da até pra entender porque eles fazem isso, pois vivem na ignorância de milhares de anos. Mas você! eu não consigo entender. Onde está a diversidade? Quando se trata de religião você é tão cheio de ódio quanto eles, quando se trata de homossexualidade. Gosto de seu blog, mas nesse aspecto você precisa evoluir!

Espero que não diga pra eu não visitar mais seu blog depois desse comentário! =)

Luciano disse...

@Dario:
Você continua sendo muito bem-vindo. Mas eu relação aos religiosos fundamentalistas eu realmente já perdi a paciência há muito tempo - é inútil tentar conversar com uma porta de aço. A estratégia do diálogo não funciona em relação a esta gentinha.
Abraço,

Papai Urso do Interior disse...

Cara Comum disse + ou - o q eu conheço de muitos homens e mulheres "de Deus" que entre 4 paredes são mais putas que as originais das ruas! Luciano, o Dario tb colocou ponto de vista interessante que me tocou bastante pq já senti isso muitas vezes ñ aqui no seu blog (devido ao seu tom conciliador) mas em outros. Sou meio católico uma vez que não sou praticante 100%, não consigo me afastar da fé com a qual cresci, volta e meia baixo na igreja e lá me sinto bem, não tenho explicação para isso, eu só sinto e não fico analisando. Sei o que o Papa e o Vaticano decretam sobre minha orientação que eu tb sei que é imutável, mas não posso impedir meu corpo de sentir e tb não posso dizer que não tenho fé, se negasse ambas as coisas (o que sinto por homens e minha crença num plano maior e invisível) aí sim seria um puta d'um hipócrita! Espero que continue acolhendo a todos como tem feito, já deixei de frequentar blogs de caras que ñ me disseram literalmente 'dá o fora!' mas fizeram pior: passaram a me tratar como débil mental fundamentalista, coisa que nunca fui, aí sim, eu dei o fora! Pra mim uma coisa nunca anulou a outra. Abraços, sempre fã dos seus textos.

Cara Comum disse...

Gente, o Luciano responde às vezes agressivamente como resultado das diversas violências que ele já deve ter recebido deles.

Mas infelizmente a gente tem que dar o exemplo do que é respeitar pra que eles, os cristãos mais injustiçados da cidade, não venham depois usar e violência que a gente devolve como argumento para nos denegrir. Já postei sobre isso aqui.

Minha opinião é que mesmo que a gente tenha vontade de estapear a cara do inimigo, às vezes, em nome da boa estratégia, a gente tem que fazer outra coisa...

Abraços!!

Lucas T. disse...

Não respeito evangélicos. Cuspo na cara mesmo. Exploradores de gente ignorante que enchem o bolso de dinheiro e ainda são hostis com homossexuais?

Não, obrigado, não dialogo com essa gente.