quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Amou daquela vez como se fosse a última...

Amor em 4 Atos apresenta 4 histórias curtas baseadas em músicas de Chico Buarque. Fica no ar só esta semana, até sexta-feira, com quatro episódios que trazem histórias diferentes, apresentado logo após o Big Brother Brasil. No episódio de ontem, a mocinha que faz cinema (Marjorie Estiano) e mora em frente à Estação da Luz se apaixona pelo pedreiro gostosão (Malvino Salvador) que está cuidando da reforma do apartamento no andar de cima, pensando que ele é o dono do apartamento. Muitíssimo bem feito, com uma história adulta bem contada, o episódio lembrou muito As Cariocas - o que é uma coisa muito boa. Poderia até ser o primeiro episódio de uma série parecida, As Paulistas.

O episódio de ontem foi baseado nas músicas Ela Faz Cinema e Construção. Reveja abaixo a cena em que a mocinha sai de casa disposta a acabar com a barulheira no apartamento de cima mas muda de ideia por puro tesão. Até eu que sou mais bobo faria o mesmo. Malvino Salvador está batendo um bolão!

5 comentários:

David ®... disse...

tô tão necessitado de uma reforma..conhece algum assim pra me indicar luciano?

bjão

Túlio disse...

Lendo essa notícia, me lembrei de vc e daquele post em que vc fala do olhar típico dos gays:

http://bbb.globo.com/noticias/noticia/2011/01/brothers-comentam-sobre-sexualidade-de-lucival.html

A menina disse que percebeu que o cara era gay pelo jeito de olhar.

Rodrigo disse...

Pelo Malvino largo tudo, carreira, dinheiro, canudo.

aff

Anônimo disse...

Muito bom o seriado.
Já o Malvino, perdeu um pouco o encanto pra mim depois dessa entrevista:

http://www.youtube.com/watch?v=bm7mf3wkUuQ

Sei lá achei meio prepotente e pelo menos pra mim, a personalidade como eu enxergo a beleza da pessoa.

Papai Urso do Interior disse...

Malvino não vive sem aparador de pêlos, podia relaxar um pouco e deixar esse peitão natural por uns tempos isso faria bem p/ olhos cansados de superfícies ridiculamente lisas como lagartixas [grifo meu]... Fora isso ele é bonito e talentoso, o carão rústico é sonho de consumo, rsrsrs...