terça-feira, 15 de março de 2011

O beijo psicológico

No capítulo de ontem de Ti-Ti-Ti finalmente Julinho (André Arteche) e Thales (Armando Babaioff) se acertaram. A cena teve um clima quase apoteótico e se deu durante a festa de casamento de um outro personagem - com quase todo o elenco reunido no mesmo local. É lindo que isto tenha sido mostrado para milhões de pessoas às 7 da noite. (Cá entre nós, cata só a cara da perua de rosa lá no fundo!)

A cena, como não poderia deixar de ser, terminou em beijo. Psicológico. Ou seja: todo mundo entendeu que o beijo deveria estar ali, mas teve que usar a imaginação. Há alguns meses atrás eu também me despedi de meu namorado no aeroporto com um beijo psicológico. Até quando?


22 comentários:

Clebs disse...

Detesto beijos psicológicos! Venho acompanhando o seu blog por um tempo, já! Muito bom, parabéns...

Daniel disse...

Olha, na novela é realmente um "até quando". Já o seu beijo psicológico no seu namorado no aeroporto é só até você querer (e ele também, claro).

AliKerouak disse...

No Youtube há um canal chamado ThalesJulinhoTititi, ou algo assim, com a história deles tintim por tintim (trocadilho infame).
Vale a pena ver os vídeos, nem que seja só para ver o Babaioff falando, que voz mais linda ele tem, que jeito de falar mais gostoso, ai ai ai....

CIELLO disse...

tá na hora da gente parar de beijo psicológico e ter coragem pra ir além, sem ser vulgar, é claro, senão podemos acabar todos no divã!

beijo e ótima terça!

Lobo disse...

A cara da mulher de rosa no fundo foi o melhor! hahaha

Mas realmente. Aquela sensação que um abraço foi muito pouco para o que realmente se seguiria.

TONY GOES disse...

Dei beijo piscológico durante muito tempo. Hoje só dou beijos reais, onde quiser, quando quiser - é só tomar cuidado para ver se você não está no Irã ou em Uganda.

Se alguém se incomodar, o problema é dele. Tenho 20 anos de casado, mais do que muitos casais héteros que se separam logo. Meu amor vale mais que o dessa gente.

Se quiserem chamar a polícia, ótimo. O culpado não sou eu: vão todos em cana, hahaha.

Não quero me meter na sua vida, Luciano, e também acho que cada sabe onde lhe aperta o calo. Mas cá entre nós: você já está grandinho para ficar dando beijo psicológico.

Tasque um chupão no seu namorado em público, vocês merecem! Vai ser uma experiência libertadora.

David ®... disse...

eu tava na academia na hora da cena...só percebi o q rolava na tv pq TODAS AS GAYS pararam de puxar ferro e estavam grudadas na tv.

foi quase um outing coletivo

ADRIANO disse...

Luciano,
Não quero me intrometer na sua vida, pois só você sabe onde o seu sapato aperta e que um beijo pode ser o passaporte para violências diversas(infelizmente...).

Mas cada vez que um gay se priva de beijar em público ou fazer um carinho no seu namorado, fica no armário ou mente sobre sua orientação sexual,

O MONSTRO DA HOMOFOBIA É ALIMENTADO.
Eu sei muito bem que não é fácil na prática, mas muitos gays alimentam a homofobia tanto quanto as mulheres nutrem o machismo.

Papai Urso do Interior disse...

Beijo psicológico não salva, eis um lema digno de igreja... A diferença é que na ficção seria ultra-apropriado, no aeoroporto a gente sabe que não!

Papai Urso do Interior disse...

Beijo psicológico não salva, eis um lema digno de igreja... A diferença é que na ficção seria ultra-apropriado, no aeoroporto a gente sabe que não!

Marcos Oliveira disse...

Namoro há 4 anos e ainda não conseguiria dar um beijo "real" no meu namorado em lugar público. Nem por isso me sinto frustrado ou triste... simplesmente não sinto a necessidade de expor o que sinto a todo mundo, especialmente pela preguiça de ter que explicar alguma coisa a alguém... moral da história: me satisfaço e muito em beijar meu namorado apenas no conforto de minha casinha!

Rafael disse...

Minha mãe acabou de perguntar se eu assisti a cena ontem. Ela viu e chorou junto, e quando perguntei sobre o beijo, disse que estava esperando que acontecesse (o que é um grande avanço).
Já um amigo que não assiste a novela disse que se é pra não ter beijo, que não tenha nada, nem a história de amor deles. Que se é pra fazer, façam direito. Acho radical, e enquanto não for do intere$$e da Globo, não vai acontecer.

O meu beijo de aeroporto não foi psicológico, mas foi o que selou o fim do namoro :P Já o meu último beijo em público veio regado a gritos de "aprende a ser homem". Pena que no final das contas, meu Julinho estava mais para Thales antes de se aceitar.

Rodrigo disse...

Para despedir quando viajo, dou selinho antes do portão de embarque no meu namo.

Rodrigo disse...

beijo psicológico. que tudo.

David disse...

A cena ficou bonita, o beijo cabia, mas não fez falta... Agora no aeroporto pode sim eu já vi casais gays de mãos dadas e dando beijinho

Tuca disse...

Meu querido. Foi a cena mais linda q ví em séculos de tv. De vdd, parece realmente q o beijo estava ali, para milhões de heteros o beijo aconteceu, tanto q os "preconceituosos" protestaram no site da novela. Para nós faltou, mas o avanço foi enorme, o TiTiTi foi megapositivo, estamos na novela das 7, e não escondidos depois do Jô. Mães assistiram e papais tb.

Humberto disse...

Acho que desde Brokeback Mountain não havia ficado tão emocionado com uma história de amor entre dois caras. A cena foi linda, como também a cena em que o Thales agradece à mãe do Osmar pelo amor dado ao Julinho, explicando que "o amor que salvou o Julinho me salvou também".

Para mim, o que de mais forte ficou foi a transformação da mãe. Vê-la abraçar o Thales foi gratificante. Espero que milhões de famílias tenham visto a cena.

Quanto ao beijo, acho a história em si muito maior que este gesto. Mas também concordo que não devemos baixar guarda e sim lutar para que isso ocorra em horário nobre!

Marcos disse...

Beijo psicológico... tomo um desses quase todo dia...rs

S.A.M disse...

Já disseram tanta coisa que eu pensava, mas enfim, eu assisti na internet, já que estava na faculdade mas soou muito broxante não ter o beijo, é como disseram: TODO MUNDO sabia que o beijo deveria estar ali.

Parabens ai pela abordagem do blog, eu particularmente virei fã já a um tempo.

Abração!

Papai Urso do Interior disse...

beijo psicológico sucks, not rules!!!! rsrsrs... MariaAdelaideAmaral bem intencionada mas numa emissora traicional e conservadora, pouco antes do JN entrar no ar, nem pensar!!!! os gays que façam uma mentalização do que vem a ser dois caras se beijando em meio a casamento hetero como pano de fundo, afff.. cada dia +fulo... Será que é só isso que nos cabe: viver de mentalizações e imagens psicológicas? parei geral, vai p/ o inferno tv globo!

Cara Comum disse...

Tá aí uma bpoa saída. Agora nas novelas devia ser permitido somente o beijo psicológico, inclusive entre heteros... Afinal, todo mundo entendeu que ali era o momento do beijo... E quem é que precisa ver duas pessoas se beijando em horário nobre? Da-lhe beijo psicológico pra todo mundo e pronto... aff...

aguiar_luc disse...

Psicológico o cacete! Grande besteira essa de gays não se beijarem em novelas, o povinho medíocre!!!