segunda-feira, 11 de junho de 2012

Prometheus



Prometheus não decepciona em nada, mesmo com as expectativas naturalmente altas de se assistir a um filme de um diretor como Ridley Scott que traz na bagagem nada menos do que Blade Runner e Alien: o 8º Passageiro. Quem perdeu o sono na juventude lendo Eram Os Deuses Astronautas? do suíço Erich von Daniken, como eu, vai se deliciar com a premissa do filme de pesquisar a origem da espécie humana no espaço seguindo pistas deixadas na Terra.

O trailer mais ou menos conta a história toda. No futuro uma expedição vai ao espaço investigar sinais deixados por uma civilização de trinta e cinco milhões de anos atrás aqui na Terra que podem esclarecer nossa origem. A tese do criacionismo serve de contraposição para a teoria da evolução e é explorada no filme na dose certa sem ficar chata. A ideia não é dar respostas, mas trabalhar teorias que possam gerar uma boa história que seduza o espectador com um entretenimento de primeira, e aí o filme acerta diretamente no ponto.

Pelo trailer todo mundo pode deduzir que os cientistas vão descobrir bem mais do que estavam buscando e que tudo vai dar terrivelmente errado. Como ninguém comprou o ingresso pensando em assistir a um documentário científico, é deste ponto para a frente que a gente vai sentir o maior prazer em se contorcer na cadeira com o suspense e o terror.

O filme tem visual exuberante de encher os olhos e usa o 3D de forma absolutamente impecável. Tem também um elenco de nomes notáveis em atuações marcantes. Noomi Rapace (que fez a Lisbeth na versão sueca de Os Homens que Não Amavam as Mulheres) é a cientista que lidera a expedição, Michael Fassbender é um robô humanoide, Charlize Theron é a representante da empresa que bancou o empreendimento espacial, e Idris Elba é o piloto da nave Prometheus que começa como simples coadjuvante para ter participação decisiva no final.

Ridley Scott deve ter passado os últimos trinta anos pensando sobre o quê melhoraria em suas ficções científicas anteriores. Prometheus é a resposta.



7 comentários:

Margot disse...

Dessa vez vc conseguiu despertar de vez minha curiosidade. Li o mesmo livro e vejo documentários insistentemente.... também quero a resposta. Vamos ver se consigo vê-lo.
abraços e boa semana

P. Florindo disse...

Luciano, ficou sabendo?

http://globoesporte.globo.com/futebol/eurocopa/noticia/2012/06/torcedor-croata-invade-campo-e-beija-treinador-na-boca-apos-vitoria.html

Luciano disse...

@P. Florindo:
Eu tinha visto a foto logo pela manhã. Achei lindo! Espero que a moda pegue.
**

Anônimo disse...

Muito interessante mesmo, gosto muito deste tipo de filme, o que incomoda são os efeitos do filme é muito alto , saio de lá tontim!!!!!

railer disse...

luciano, eu gostei demais do filme e quero até revê-lo no imax.

também fiz uma crítica aqui no blog.
dá uma lida e me diz o que achou.

abraços!

HOMOTOON disse...

Eu adorei o filme, porém achei-o absolutamente Alien (1979) - nadadenovo. É quase um remake com toques sutilissimos de diferença

Bruno F. disse...

O filme é bem bacana!!! Assisti a ele no IMAX e os efeitos são fenomenais.

Mas gostei mesmo foi do piloto da nave (Idris Elba) e do Dr. Holloway... :)
Abs, Bruno