sexta-feira, 29 de junho de 2012

"Somos muitos na família..."


Você já conhece o Paulo Azeviche? Se ainda não o conhece, chegou a hora de saber o que você está perdendo. Este cantor brasiliense de 22 anos, radicado em Campinas, está lançando um projeto interessantíssimo viabilizado pelo Edital LGBT da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo: a gravação de um CD reunindo músicas homoeróticas de vários compositores brasileiros, alguns tão conhecidos como Chiquinha Gonzaga e Noel Rosa.

Para conhecer um pouquinho mais do talento deste garoto ainda tão novo, ouça esta entrevista que o Paulo deu à Rádio Cultura de Brasília. No minuto 04:55 ele canta Super-Homem, a Canção. Impossível não se emocionar.



Não é difícil adivinhar que o novo CD do Paulo não vai ser divulgado nas igrejas e nas rádios religiosas como os discos dos insuportáveis padres cantores. Ele está fazendo um incansável trabalho de divulgação quase homem-a-homem (adoro esta expressão), e você pode ajudá-lo a fazer seu trabalho ficar mais conhecido.

5 comentários:

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

tb estarei divulgando o trabalho do xará no final de semana ... muito bom mesmo ...

Margot disse...

Luciano.. gostei um bocado da interpretação de Super-Homem. Ele tem uma voz bonita e colocou emoção na música. Muito, muito bom.
Abraços e bom fds.

Dimas disse...

Pois é Luciano- mais um ótimo cantor que você me apresenta, um bom momento para essa noite de sábado.
O Paulo é muito expressivo, voz potente e diferenciada - vou procurar conhecer um pouco mais sobre ele.

Obrigado Luciano!

Dimas disse...

Ao procurar vídeos do Paulo, deparei com outro ótimo cantor, Rodrigo, no link:
http://www.youtube.com/watch?feature=endscreen&NR=1&v=jVtYF0eAB0I

Pois é, a nova geração mostrando seu valor e nos causando surpresa a todo momento!

Oliveira Santos disse...

Gostei, ele tem futuro, tomara que o Ney Matogrosso assista este clipe dele, e quem sabe possa ajudá-lo além de ser um excepcional artista completo em todos os sentidos ele sabe apoiar quem têm talento.