sábado, 3 de julho de 2010

Leão de Bico

Ela é linda, cantora bem-sucedida, filha de mãe europeia e pai africano, com uma bagagem musical já comprovada por vários discos no mercado. Não, eu não estou falando de Sade Adu, mas da Lyambiko, nascida e radicada na Alemanha, já com 7 discos no currículo - o mais recente, Something Like Reality, lançado há menos de um mês. Ela usa o vozeirão grave para imprimir ao seu estilo, notadamente jazz, um charme muito especial que lembra suas raízes da Tanzânia.
Mas foi no seu disco Saffronia, de 2008, que ela conseguiu a proeza de tirar Ne Me Quitte Pas do armário. Saffronia é dedicado à sua musa Nina Simone, com Lyambiko re-interpretando grandes clássicos da sacerdotisa do soul. E embora a lindíssima Ne Me Quitte Pas já tenha se disfarçado de jazz, valsa e até baladinha romântica, ela nunca enganou o meu radar - com aquela letra, eu sempre desconfiei que a música tinha alma de tango!

Aperte o "play" e confira:


Lyambiko - Ne Me Quitte Pas:




6 comentários:

Edward Luiz disse...

Ne Me Quite Pas é uma das canções francesas que mais aprecio, cantada por Lyambiko, que não conhecia até então, ficou muito linda.
Parabéns pelo blog, os assuntos são muito interessantes.

Um abraço
Edward.

Luciano disse...

Obrigado, Ed. Entre e fique à vontade, a casa é sua.
**

Reginaldo disse...

Baixei, gostei e já está entre minhas preferidas.

Luciano disse...

Reginaldo,
O disco novo dela também está ótimo. Neste site http://www.israbox.com/ tem quase todos os discos para baixar "de gratis". Pelo menos é bom para conhecer; se gostar, depois compra.
Abraço,
**

Clóvis disse...

Reinterando o que já foi dito. Parabéns pelo blog. Ótimos posts.

Luciano disse...

Clóvis,
Obrigado pelas palavras de incentivo. Espero vê-lo sempre por aqui.
**