segunda-feira, 5 de julho de 2010

Qual é a sua opção racial?

"Opção sexual" é uma expressão que me irrita profundamente. Talvez ao verem gays bem resolvidos hoje em dia as pessoas não se dêem conta do profundo e intenso processo de aceitação que a maioria tem que atravessar, muitas vezes sem conseguir chegar a um final feliz e seguro. Sim, o número de suicídios de adolescentes gays apavorados com a constatação da própria sexualidade é considerável. Nesta fase difícil, se tivessem a 'opção' de mudar muitos certamente mudariam. Alguns até tentam.

A recompensa aos que resistem é o aprimoramento da auto-estima e o surgimento do orgulho de ser como é. E, finalmente, a constatação que, se fosse possível voltar atrás e mudar alguma coisa, não mudariam nada.
Para mim, falar de "opção sexual" faz tanto sentido quanto falar de "opção racial". Assim como se fosse possível acordar um belo dia e dizer "pensando bem, acho que hoje vou ser negro...".

5 comentários:

Marco disse...

Lembrei de um "aborígene australiano" que eu vi esses dias na rua que tinha uma tatto enorme no braço 100% BRANCO, vai entender...

Daniel disse...

Hoje acordei querendo ser rosa.

Anônimo disse...

Short, sweet e EXATO, meu caro! Algo tao óbvio para alguns e tao inexplicavelmente incompreensível para outros. Que as pessoas possam enxergar este fato com clareza e simplicidade para que os dias nascam mais felizes para todos! Grande abraco! ;-) Eduardo

Luciano disse...

Obrigado pela visita, Dudu. Volte sempre que a casa é sua.
Abraço,
**

Alexandre disse...

super bem colocada a argumentação, luciano! é um gancho interessante: mtas pessoas poderiam adotar isso da opção racial qdo surgir aquele tipo de questionamento por qual todos já passamos e que parece dizer de uma escolha consciente por ser um pária ou desertor que decepcionou família, igreja, amigos e sociedade todos de uma só tacada. realmente, tem gente que não consegue ou não quer ver a extensão e dimensão que a coisa toma qdo postula tal tipo de consideração como se fosse assim, um "nadinha". já virei fã e voltarei sempre aqui. abraços e se cuide bem!