sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Show do Kevin

Minha irmã e minha prima não conheciam o Kevin Johansen - eu tive que mostrar um vídeo dele no YouTube para convencê-las a ir ao show. Agora são as mais novas fãs de carteirinha, já compraram todos os discos, e querem fundar um fã clube no Brasil. OK, a parte do fã clube eu inventei, mas elas A-MA-RAM o show!

Impossível não gostar. Lotação esgotada de 3.600 lugares com todo mundo cantando junto, uma energia deliciosa, e o Kevin inspiradíssimo - ele conversa bastante com o público, conta coisas muito engraçadas, desce e abraça as pessoas, recebe convidados especiais no palco, fala das 3 filhas - um fofo! Dá vontade de levar para casa. Depois de 3 horas ele avisa que vai fazer um intervalo antes da segunda metade - mas é só uma piada, é o final mesmo e todo mundo está pronto para voltar para casa em estado de graça.

É legal observar como ele recebe as pessoas e cumprimenta os carinhas da banda - com um abraço muito apertado e um beijão no rosto. Ele distribui muitos beijos para todos que passam pelo palco. E quando fala faz questão de incluir observações livres de gêneros, do tipo "...pensando na amada, ou amado" que o tornam muito especial. Realmente ele não parece ter nada de sexista, e aparenta ser bastante simpatizante.

No meio daquelas 3.600 pessoas eu senti que ele cantava só para mim.

4 comentários:

Paulo Braccini disse...

ai ai ... ele te olhava mas pensava era em mim querido ... rs

bjux

aproveite ao máximo por aí

;-)

Lobo disse...

Muito legal esses artistas que conseguem passar essa sensação, de cantar para cada pessoa individualmente. Aposto que todas aquelas pessoas tiveram a mesma sensação...

Um beijo Lú!

Rodrigo disse...

Posso dizer que fiquei com uma invejinha?

Aproveita, muito, ai, queri!

Beijo e bom finde

Argentino! disse...

Ele é super simpatizante, ele tocou na plaza do congreso, enquanto se votava e depois que se aprovo a lei del matrimonio igualitario!!!

No te olvides de ir al congreso! Ahora es ponto turistico para los gays!